Individual de Laura Miranda no Instituto Tomie Ohtake

26 Novembro de 2021

Veja mais

211109-Dan Galeria-vistas-ph Ana Pigosso-3-hr

No dia 13 de novembro, sábado, estreia a exposição “Laura Miranda – O chão, um lago, as árvores e as estrelas” no Instituto Tomie Ohtake.

Com curadoria de Agnaldo Farias, a artista paranaense e residente em Curitiba apresenta um conjunto de sua produção que se conforma pelas práticas performáticas e por trabalhos com experimentação de linguagens e mídias. A exposição traz obras produzidas entre 2014 e 2021 pontuadas por objetos do início de sua carreira em meados da década de 1990, somando 71 trabalhos. Esta configuração cria um espaço relacional entre um pensamento artístico originário da produção, apresentado com sua potência de reverberação ao longo dos anos, e seu desdobramento nas linguagens mais recentes.

A mostra fica aberta para visitação até 30 de janeiro, de terça a domingo, das 11h às 20h. Não é necessário agendamento e é obrigatório o uso de máscara.